<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=2736481836612313&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Quando você pesquisa no Google o termo “curso superior a distância”, as primeiras buscas que aparecem são com relação a: curso a distância com menos tempo, curso a distância reconhecido pelo MEC e quais cursos superiores podem ser ofertados a distância. Por isso, vamos ajudar você com essas e outras dúvidas que envolvem o universo do ensino sem sair de casa.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inpe), o ensino a distância cresceu de 2009 a 2019 cerca de 378,9%. É a primeira vez na história do Brasil que o número de alunos que optaram pelo ensino a distância é maior do que o presencial. Ou seja, o que para muitos poderia parecer impensável, cada vez mais vem se tornando uma opção para quem quer estudar, mas não tem a disponibilidade necessária para seguir o modelo, até então tradicional, de ensino presencial.

estudante EAD

Afinal, o que é o ensino superior a distância?

O ensino a distância, também conhecido como EAD, é uma modalidade de ensino onde alunos e professores não precisam estar dentro do mesmo espaço físico para que o aprendizado aconteça.

Ou seja, o professor prepara e leciona as disciplinas de onde estiver, e o aluno também aprende de qualquer lugar, bastando ter uma conexão de internet. As aulas acontecem de forma online e toda a comunicação entre aluno, professor e colegas acontece dentro do ambiente virtual de aprendizagem.

Por isso, na hora de optar por uma graduação EAD, é importante que você tenha um computador que atenda suas necessidades, além de uma boa internet.

Dependendo do curso, talvez seja necessário algum software específico, mas para a maioria basta apenas o navegador de internet e pronto.

No caso da UNISC EAD, você também tem a disponibilidade do campus perto de você. Ou seja, você pode usar salas de estudos e bibliotecas sempre que precisar.

E todo o curso pode ser ofertado de forma EAD?

Por mais que a tecnologia tenha avançado consideravelmente e que os cursos superiores a distância estejam cada vez mais populares, ainda assim nem toda a graduação pode ser ofertada na modalidade de educação a distância.

O Guia da Carreira listou alguns cursos que não podem ser ofertados a distância, sendo alguns deles: Astronomia, Biotecnologia, Fonoaudiologia, Geologia, Medicina, Medicina Veterinária, Oceanografia e Odontologia.

Isso porque devido a algumas restrições práticas e até mesmo teóricas, existem cursos que atualmente não podem ser oferecidos no formato EAD.

Em contrapartida, os cursos mais ofertados na modalidade a distância são:

 

Todos esses cursos são ofertados pela UNISC de forma EAD, e além desses existem outras opções de cursos tecnólogos, bacharelados e licenciaturas. Para conferir se o curso que você procura está na UNISC, basta clicar aqui.

estudante com laptop e livros

Curso a distância com menos tempo

Que sobram vagas de emprego por falta de mão de obra qualificada, muita gente já sabe. E isso pode ser resolvido de forma simples: por meio do estudo. Mas para quem tem pressa e sonha com o diploma de ensino superior, há a opção dos cursos tecnólogos.

Esse tipo de graduação tem duração média de 2 a 3 anos e é um tipo de curso superior a distância muito procurado. Afinal, você estuda de onde estiver, conforme sua disponibilidade de tempo, e quando menos espera, lá se foram dois anos e seu diploma está com você.

De modo geral, os cursos superiores a distância tendem a ter as mensalidades mais em conta que o presencial, já que o custo de produção das aulas é menor.

Mas, por exemplo, se você escolher fazer um tecnólogo EAD, o seu salário ficará entre R$ 3.768,00 e R$ 5.242,00 por mês, podendo também variar conforme a área.

Ou seja, o investimento inicial é mais acessível, mas o retorno financeiro vem mais rápido também. Além disso, o Ministério da Educação criou um Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia.

Ele ampara 112 cursos de em áreas como gestão, tecnologia, comunicação entre outras, além de pré-estabelecer as cargas horárias de cada curso e o que a instituição precisa ter no que diz respeito à infraestrutura para ofertar esses cursos.

Ficou curioso para ver a lista completa? Então confere clicando aqui.

Reconhecimento no MEC

Um receio comum na hora de escolher o curso superior a distância é se o diploma vai ter a mesma validade do presencial. E a resposta é sim! A modalidade não interfere na validação do diploma, o que faz essa diferença é se a instituição que oferta o curso é reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Se a instituição tem esse reconhecimento, pode ficar tranquilo, pois o seu diploma vai valer em todo o território nacional.

O MEC tem o papel de autorizar, reconhecer, credenciar e avaliar as instituições de ensino no Brasil. Seja ela presencial ou a distância, privada ou pública. E também é ele que dá as notas para as instituições e seus respectivos cursos. Seguindo uma série de critérios, a universidade pode alcançar a cobiçada nota 5, que é a nota máxima que uma instituição pode receber.

A ordem do processo funciona assim: primeiro a instituição precisa estar credenciada ao Ministério da Educação, o segundo passo é solicitar a autorização do MEC para ofertar o curso e o terceiro passo, que só acontece quando a turma está em andamento, é sobre o reconhecimento do MEC. Por isso, se você ingressar em uma primeira turma de determinado curso, e ele não tiver o reconhecimento, não se assuste. Isso vai acontecer no decorrer das aulas, mas verifique se existe pelo menos a autorização, pois é o requisito mínimo para poder ofertar os cursos. Essa consulta pode ser feita pelo portal e-mec.

Agora que você já sabe tudo sobre curso superior a distância, conheça mais sobre o EAD da UNISC.

Inscreva-se no nosso Blog

blog ead unisc
Cursos grátis

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT