Com a proximidade das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), uma pergunta começa a rondar a cabeça dos estudantes: afinal, o que cai no Enem em matemática?

O exame acontece nos dias 21 e 28 de novembro, e a prova de matemática do Enem é uma das mais temidas pelos estudantes. 

Ao todo, são quarenta e cinco questões de matemática no Enem, envolvendo cálculos e raciocínio lógico. Essas questões atravessam diversos conteúdos, mas alguns são mais frequentes do que outros. 

É sobre esses conteúdos que são cobrados praticamente todos anos que falaremos neste artigo!

Fique conosco e descubra em quais conteúdos de matemática focar na reta final dos estudos para o exame!

Neste artigo, você vai conferir:
Características da prova de matemática do Enem
Os 8 temas que mais caem no Enem em matemática
Como estudar matemática para o Enem
Por que caprichar na prova de matemática do Enem

o-que-cai-no-enem-em-matematica - menino de fones de ouvido fazendo anotações em caderno

Características da prova de matemática do Enem

Antes de falarmos especificamente sobre os conteúdos mais cobrados na prova de matemática do Enem, é importante fazermos algumas considerações sobre as características dessa parte do exame. 

Ao todo, o Enem conta com 180 questões objetivas, distribuídas entre quatro áreas do conhecimento: Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Matemática. Ou seja, são 45 questões por área. 

A prova de Matemática acontece no segundo dia de aplicação de provas, junto com a de Ciências da Natureza. Neste ano, será no dia 28 de novembro. 

Neste dia, os estudantes têm 5 horas para resolver as questões e passar as respostas para o gabarito. Isso faz com o que os candidatos tenham em média três minutos por questão. Pouco tempo, não é mesmo?

Por isso, é essencial estar atento e ser objetivo na hora de resolver as questões, administrando da melhor forma o tempo e garantindo que todas as questões sejam respondidas. 

Além da questão do tempo, a interpretação é outro fator importante para a prova de matemática. 

Mais do que conhecer fórmulas e cálculos complexos, essa parte do exame exige muita leitura e capacidade compreensão para identificar exatamente o que cada questão está pedindo.

Ou seja, a prova de matemática do Enem é complexa, mas, com estudos, atenção e bom uso do tempo, é possível sim se sair muito bem.  

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Os 8 temas que mais caem no Enem em matemática

Na Matriz Referência do Enem, documento elaborado pelo Ministério da Educação (MEC), é possível conferir todos os assuntos e competências exigidos pelo exame, incluindo os conteúdos cobrados em cada área do conhecimento. 

Contudo, se você acessar o documento, encontrará uma lista muito extensa de assuntos que podem ser abordados no exame. 

Para quem está na reta final dos estudos, com a aproximação da data da prova, é sempre melhor focar naqueles assuntos que têm mais chance de aparecer nas questões. 

Abaixo, trazemos os 8 temas mais caem na prova de matemática do Enem. Confira:

Funções 

No Enem, é comum que apareçam questões cobrando conhecimentos de funções de 1º e 2° segundo grau. 

Com relação a essas duas funções, o Enem avalia conhecimentos sobre lei de formação das funções, comportamento gráfico e valor numérico. 

Falando especificamente sobre as funções de 2º grau, o Enem costuma cobrar que o candidato consiga encontrar o vértice da parábola, ou seja, o ponto de máximo e mínimo da função.

Noções básicas de estatística 

Outro conteúdo essencial para a prova de matemática do Enem é estatística. 

Essa área da matemática engloba a coleta, organização e análise de dados, que podem ser quantitativos ou qualitativos. 

A organização dos dados pode ser feita por meio de tabelas e gráficos. 

Já a análise, nos níveis mais básicos da estatística, é feita por meio de medidas de centralidade (moda, média e mediana), observações de gráficos e tabelas, porcentagens e também proporcionalidade.

No Enem, esse conteúdo costuma aparecer na forma de análise e interpretação de dados através de tabelas e gráficos. Saber identificar a moda, média e mediana também são requisitos para mandar bem nas questões de estatística do Enem. 

Normalmente, as questões que envolvem estatística costumam ser simples, mas exigem uma leitura atenta e muita interpretação. 

Ou seja, dê uma atenção especial a essas questões, afinal a chance de acertá-las é bem alta.

Probabilidade

Probabilidade é outro conteúdo que aparece com frequência no Enem. 

As questões relacionadas ao assunto costumam se basear na interpretação do texto de apoio e utilização do cálculo das chances de um evento acontecer.

Porcentagem

Porcentagem é mais um conteúdo que merece sua atenção nos estudos. 

Porcentagem é uma razão entre dois números com base 100. Seu símbolo principal é %.

As questões de porcentagem no Enem são cada vez mais frequentes e sua resolução envolve cálculos curtos, podendo ser utilizada a regra de três.

É comum que essas questões também envolvam muita interpretação. 

Razão e Proporção

Razão e Proporção é um conteúdo muito cobrado no Enem e em todos os vestibulares. 

Razão e Proporção são utilizadas para realizar comparações ou estabelecer igualdade entre grandezas diferentes.

Normalmente, essas questões envolvem cálculos simples, um amplo conhecimento de matemática básica e uma atenção especial aos textos de apoio das questões.  

Análise combinatória 

Análise combinatória é um conteúdo bastante recorrente no Enem. No exame, é comum que seja cobrado em questões que envolvem princípio multiplicativo e agrupamentos (permutação, combinação e arranjo).

Normalmente, esse conteúdo é cobrado em questões que se relacionam com o dia a dia, como jogos de loteria ou no estudo das probabilidades, genética, entre outras aplicações.

Geometria Plana e Espacial

Geometria Plana e Geometria Espacial é outro conteúdo que aparece de forma recorrente no Enem. 

Para se sair bem nesse assunto, é essencial saber a relação sobre áreas, como as do triângulo e dos principais quadrados. 

De volumes, vale a pena revisar prisma, cilindro, pirâmide, cone e esfera.

Matemática financeira 

A Matemática Financeira no Enem é cobrada de forma semelhante das provas dos vestibulares e concursos.

Os assuntos relacionados à Matemática Financeira são: porcentagem, acréscimo, desconto, operação de compra e venda, lucro, prejuízo, juros simples e juros compostos.

Como estudar matemática para o Enem

como-estudar-matematica-para-o-enem - jovem segurando lápis amarelo e fazendo anotações em folha em branco

Agora que você já sabe o que cai no Enem em matemática, é possível que você esteja se perguntando como começar a estudar.

Ler e conhecer a teoria é essencial para todas as áreas do conhecimento, mas para os estudos de matemática, principalmente com a proximidade do Enem, pode não ser a melhor estratégia.

A melhor forma de estudar para a prova de matemática do Enem é praticando. Ou seja, realizando questões das edições passadas do exame. 

Assim, você encontra seus pontos fracos e fortes em cada matéria e ainda entende o funcionamento do exame e como administrar o seu tempo. Aqui é possível encontrar as questões de provas passadas.

Além disso, atualmente existem diversos sites que oferecem questões comentadas por professores, o que pode ajudar a solucionar dúvidas e otimizar os estudos.

Abaixo, trazemos alguns portais para estudar matemática para o Enem:

O que preciso decorar para fazer a prova de matemática do Enem? 

A prova de matemática do Enem não exige o conhecimento de muitas fórmulas, afinal grande parte das questões envolve muito mais raciocínio lógico e interpretação. 

Contudo, existem determinadas fórmulas que podem ser muito úteis para essa etapa do exame. Confira quais são:

→ Combinação Simples

Cn,p =   n! / p!(n – p)!

“n” é a quantidade de elementos de um conjunto e “p” é o número de elementos que serão combinados por vez.

→ Áreas e Volumes

As mais importantes são a área do retângulo, que pode ser calculada multiplicando-se a base (b) pela altura (h), isto é, a = b.h, e a do triângulo, que sempre será a metade da área do retângulo: A = b·h/2

→ Juros simples 

J = C × i × t

J = juros simples; C = capital inicial; i = taxa de juros; t = tempo da aplicação.

O que eu faço quando não souber resolver a questão? 

Primeiro de tudo: saiba que isso é muito comum e normal de acontecer. O Enem é uma prova extensa e muitas vezes pode ser difícil lembrar de tudo. Assim, é importante manter a calma para pensar com clareza.

Se você não sabe como resolver uma questão, pule-a e volte a ela quando terminar as outras. Não vale a pena perder tempo em uma questão que você não sabe resolver. Lembre-se que o tempo é um fator crucial no Enem. 

Se você já tiver respondido todas e está empacado em algumas que não sabe como resolver, é hora de partir para a eliminação. 

Leia de novo o enunciado da questão e elimine as alternativas que você tem certeza que estão erradas. Dessa forma, a probabilidade de acertar a alternativa certa aumenta.

Fique atento também nas semelhanças, repetições e oposições nas respostas, elas podem dar muitas dicas sobre qual é a alternativa certa.

Por que caprichar na prova de matemática do Enem

A nota geral do Enem leva em conta as pontuações em cada uma das áreas do conhecimento, sendo essencial se sair bem em todas as provas para garantir um bom desempenho. 

Aqui na UNISC, os candidatos com boa pontuação no Enem podem concorrer a bolsas de estudos de até 100% (no primeiro semestre do curso) para graduações EAD

No EAD UNISC as suas aulas são online, e você conta com toda a assistência necessária dos tutores do curso.

Confira todas as condições e opções de bolsas de estudos!

New call-to-action

Inscreva-se no nosso Blog

New call-to-action

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT